Arquivo da tag: salto ornamental

Campeonato Mundial de Esportes Aquáticos começa hoje em Barcelona


Mais de dois mil atletas participarão do Mundial de Esportes Aquáticos, campeonato que tem início nesta sexta-feira em Barcelona, na Espanha. Seis modalidades esportivas fazem parte da competição: natação, maratona aquática, polo aquático, nado sincronizado e saltos ornamentais.

Dentre os 23 brasileiros que participarão da disputa, César Cielo é o que mais conquistou medalhas no Mundial de Esportes Aquáticos. São quatro ouros: nos 50m e 100m livres em Roma 2009, no 50m borboleta e 50m livres em Xangai 2011.

Thiago Pereira, medalhista olímpico em Londres 2012, Ana Marcela Cunha e Poliana Okimoto, que já venceram campeonatos mundiais de Maratona Aquática, também participarão das provas.

O Brasil conta com 12 medalhas na história do Mundial de Esportes Aquáticos. São sete ouros, uma prata e quatro bronzes. A competição é disputada desde 1973, quando Belgrado, na extinta Iugoslávia, sediou o evento.

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em esporte aquático

Reforço no comando da natação brasileira


Entre as modalidades que mais cresceram nos últimos ciclos olímpicos, a natação brasileira vai aumentar sua equipe para continuar subindo nos pódios das principais competições mundiais.

A partir de agora, a natação terá gerência segmentada por sexo. Alberto Silva comandará a equipe masculina e Fernando Vanzella ficará responsável pela natação feminina. Os técnicos ainda serão auxiliados por mais dois profissionais especializados em cada segmento. A superintendência permanece com o professor Ricardo de Moura, auxiliado por Rômulo Noronha.

Nas outras modalidades aquáticas, o foco é a contratação de técnicos estrangeiros. Para o polo aquático masculino, já chegou o sérvio Mirko Blazevic. No feminino, a treinadora é a norte-americana Sandy Nitta. Os saltos ornamentais e o nado sincronizado também terão técnicos vindos de fora para este ciclo olímpico.

As medidas foram anunciadas durante a reunião do Conselho Técnico Nacional de Natação (CTNN), que aconteceu nesta semana, no Rio de Janeiro.

Deixe um comentário

Arquivado em esporte aquático

No salto ornamental, brasileiro treina a concentração


O brasileiro Hugo Parisi, 27 anos, que disputa em Londres a sua terceira Olimpíada consecutiva, disse estar no auge da sua preparação e tem como meta principal chegar à final da prova dos 10 metros do trampolim. Mais do que a questão técnica, ele afirmou querer blindar o cérebro, principalmente nos segundos que antecedem o salto.

“Fazemos um trabalho de concentração, pensando só na técnica para não deixar que nada interfira. O mais comum é que enquanto a gente tá subindo a escada, só venha besteira na nossa cabeça. A gente faz um trabalho para que isso não aconteça, para que eu possa ficar concentrado e pense somente no que eu tenho que fazer, que é a técnica. Se eu conseguir focar nisso, eu vou fazer um bom salto”, disse.

A experiência do atleta em duas Olimpíadas também contribuiu para melhorar a concentração. Parisi, que se recuperou recentemente de uma lesão no pescoço, disse estar preparado para se classificar entre os 12 competidores que estarão na final. Nos Jogos de 2004, ele chegou em 32º lugar e, quatro anos depois, em Pequim, em 19º.

Clique aqui e leia mais.

Deixe um comentário

Arquivado em esporte aquático

Modalidades olímpicas despertam a curiosidade


A proximidade dos Jogos Olímpicos de Londres, que acontecem entre 27 de julho e 12 de agosto, desperta a curiosidade e o interesse de modalidades esportivas pouco comuns. Entre as atividades aquáticas, destacam-se o salto ornamental e o nado sincronizado. Além de diferentes, os esportes trazem benefícios à saúde.

No salto ornamental, as acrobacias aéreas que antecedem o mergulho na piscina exigem muita flexibilidade. O atleta precisa praticar exercícios de alongamento, atividade que previne dores musculares ou na coluna. O esporte consome 470 calorias por hora e exige força nas pernas e no abdômen.

O nado sincronizado desenvolve o sistema cardiorrespiratório, uma vez que é preciso ficar até um minuto e meio submerso movimentando braços e pernas. A cada hora de exercício, a perda chega a 400 calorias e a parte do corpo mais exercitada é o abdômen.

Saiba mais: http://migre.me/9Jf0v

Deixe um comentário

Arquivado em esporte aquático

Saltando em Londres


Na quarta-feira (13) a Federação Internacional de Natação (FINA) confirmou a presença da atleta Juliana Veloso, de 31 anos, na sua 4ª olimpíada. Após participar em Sydney 2000, Atenas 2004 e Pequim 2008, Juliana vai às piscinas da Olimpíada de Londres 2012 na disputa do trampolim de 3 metros, no dia 29 de julho. A saltadora tentou garantir sua vaga no Pré-Olímpico em fevereiro, mas ficou na repescagem, aguardando a definição do número de desistências, por conta da limitação de atletas para Londres. A equipe de esportes aquáticos do Brasil chega a 26 atletas, sendo 20 de natação em piscina, um de maratona aquática, três de saltos ornamentais e dois de nado sincronizado. Leia mais: http://migre.me/9xEH3

Deixe um comentário

Arquivado em esporte aquático

Pulando na piscina


Salto ornamental é o nome dado ao conjunto de habilidades que envolve saltar de uma plataforma elevada em direção à água, executando movimentos estéticos durante a queda – um esporte que exige grande técnica, plasticidade e flexibilidade.

Se os seus saltos do trampolim não são tão elaborados assim… você pode testar suas habilidades no computador. Teste o games High Dive Hero e veja quantos pontos você consegue fazer!!

Mas não esqueça: na piscina de verdade, antes de pular, é preciso tomar ducha!!!

Deixe um comentário

Arquivado em campanha