Arquivo da tag: construção

Moda à beira da piscina


O estilista italiano Roberto Cavalli é famoso por suas estampas de animais, tanto na sua moda de passarela quanto em sua residência, em sua cidade natal, Florença, onde construiu uma piscina de pedra desenhada e divãs com estampas de zebra.  Um exemplo de que a experiência de um banho de piscina pode ser bem criativa.

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em campanha

Nadando com as feras


A piscina do Hotel Casino Golden Nugget, em Las Vegas (EUA), é um verdadeiro convite à convivência com a vida selvagem. Batizada pelos hóspedes de “O Tanque”, a piscina inclui um aquário com cinco espécies de tubarões, que dá a sensação ao banhista de nadar com os animais.

Deixe um comentário

Arquivado em campanha

A maior do mundo


A maior piscina ao ar livre do mundo está localizada no resort San Alfonso Del Mar, no Chile, segundo o Guiness Book, o livro dos recordes.  A piscina de água salgada tem 1 Km de extensão e capacidade para 250 mil m³ de água.

Verdadeiro parque aquático, o “grande tanque chileno”, como é conhecida, tem áreas para mergulho, vela, caiaque e serviço de ônibus que leva os hóspedes de uma ponta a outra da piscina.

A iniciativa de construção da obra foi do empresário e bioquímico chileno Fernando Fischmann, da empresa Crystal Lagoons. A manutenção não deve nada a seu tamanho – são necessários US$ 4 milhões por ano para manter a piscina limpa e conservada.

Deixe um comentário

Arquivado em campanha

Água quentinha


É cada vez mais comum o uso de aquecedores de piscinas. Afinal, os usuários mais habituados não querem dispensar os banhos nos dias mais frios. Além disso, as piscinas aquecidas proporcionam uma sensação de relaxamento maior.

Atualmente existem no mercado as de aquecimento elétrico, a gás e solar. A solar é o sistema mais utilizado, por ter o custo mais baixo, além de ser uma fonte limpa de energia. As de aquecimento elétrico e a gás precisam de manutenção e acompanhamento mais intenso, para que sua infraestrutura não tenha problemas que possam ocasionar acidentes graves.

Os cuidados químicos são os mesmo da piscina normal, e são indispensáveis. A água quente pode acelerar o processo de proliferação das bactérias, por isso o uso do cloro é essencial para manter a água própria para banho.

Existem muitas empresas especializadas em piscinas aquecidas. Antes de construí-las, é muito importante buscar consultoria e informação para garantir água quentinha e segura.

Em dias quentes, a piscina aquecida (especialmente a elétrica) é um desperdício de energia! Seja consciente.

Deixe um comentário

Arquivado em campanha

Pequenas, médias, enormes…


É impossível precisar a menor piscina do mundo. A popular piscininha de mil litros é utilizada como parâmetro, mas o frequente improviso das mamães, com bacias e baldes para aliviar o calor dos filhos, elimina esse limite.

A maior piscina do mundo, entretanto, todos podemos conhecer: é a espetacular piscina do resort chileno San Alfonso Del Mar. Com 1 km de extensão e 80 mil m², ela comporta 250 mil m³ de água. A tecnologia de tratamento não é revelada, mas estima-se que haja um sistema automatizado de última geração para controle dos níveis de cloro e ph da água. A megapiscina é mantida por 200 funcionários, cujos salários somam U$ 4 milhões por ano. Dentro dela é possível velejar, andar de pedalinho e se deliciar nos bares submersos.

O tamanho mais comum de piscinas é a medida olímpica (50x25m), facilmente encontrada em clubes e hotéis. As medidas, entretanto, não são o fator mais importante. O essencial é a diversão refrescante que elas proporcionam.

Deixe um comentário

Arquivado em campanha

A origem das piscinas


As piscinas residenciais que conhecemos hoje viraram moda, primeiro, entre os ricos e famosos. A prática começou em Hollywood, associando piscina ao glamour. Com o tempo e a utilização de novos materiais, o sonho de ter uma piscina própria chegou ao alcance de mais pessoas e tornou-se mais popular.

As piscinas públicas, porém, têm uma longa história. Os relatos mais remotos de que se tem notícia são de grandes tanques encontrados em pirâmides do Antigo Egito. Embora mais distantes, são as construções que mais se aproximam da piscina atual. Estavam ligadas à decoração, eram luxuosas e com designs deslumbrantes.

Durante a Idade Média, com a difusão do Cristianismo, piscinas eram utilizadas para rituais de batismo. As pessoas eram mergulhadas para purificação. Com o tempo, as piscinas ou tanques das igrejas ficaram menores, virando pias batismais, mas a prática religiosa ganhou o gosto popular e os tanques foram adaptados ao lazer e à diversão.

No século XVII já existiam balneários com piscinas públicas, mas a água não era tratada. Por isso, os banhistas ficavam expostos a inúmeras doenças. O tratamento das piscinas veio com a evolução da natação, com a criação dos estilos de nado (crown, borboleta, costas, peito) e a necessidade de aperfeiçoá-los. Os praticantes exigiam a higiene, piscinas maiores e privacidade para os treinos. Assim, foram se desenvolvendo tecnologias de tratamento e manutenção.

Hoje, há tratamento adequado para a água da piscina, mas a higiene ainda é fundamental. Evite beber a água da piscina, não entre na água sem tomar ducha e evite urinar na água. Colabore para que as piscinas sejam cada vez melhores!

1 comentário

Arquivado em campanha

Uma piscina pra chamar de minha…


Algumas pessoas não gostam das multidões que invadem os clubes e parques aquáticos na temporada de calor, e preferem ter a piscina dentro de sua residência, da casa de praia ou de campo.

Com a evolução dos materiais, o custo da construção de uma piscina se reduziu. Entretanto, mesmo que esse tipo de lazer esteja mais acessível, é preciso ter responsabilidade e pensar na piscina como um investimento em logo prazo, pois os tratamentos químicos e manutenções são indispensáveis. A desinfecção da água com cloro, tratamento mais comum em piscinas, deve ser feita periodicamente.

Para construir sua própria piscina, o primeiro passo é contratar um arquiteto. Verifique se o profissional é cadastrado no CREA (Conselho Regional de Engenharia e Arquitetura) para evitar problemas. Ele levará em conta aspectos como espaço físico, profundidade, onde bate sol, paisagismo, etc. Depois escolha uma empresa capacitada para executar o projeto (peça para conhecer outros trabalhos executados e pesquise preços).

Um importante conselho é acompanhar toda a obra. Sua supervisão garantirá um bom desempenho da empresa e do engenheiro, e você ainda poderá contar pra todo mundo, naquele churrasco de domingo, como foi a construção. Para finalizar, garanta que sua piscina receba o tratamento adequado. Manter a piscina limpa é sinônimo de saúde para toda a família.

Deixe um comentário

Arquivado em campanha