Piscina suspensa é usada para show de acrobacias


fuerza

Já pensou em assistir um espetáculo de teatro em 360 graus onde os bailarinos fazem suas acrobacias numa piscina gigante que sobe e desce no meio do palco? Pois essa é a ideia do Fuerza Bruta, companhia argentina que já foi assistido por mais de 5 milhões de pessoas no mundo nos 29 países por onde passou. A plateia assiste tudo de pé e precisa olhar para o alto para ver o show que se desenrola numa mistura de música, dança e efeitos especiais. É de tirar o fôlego!

fuerza1

O ponto alto da apresentação fica por conta da piscina suspensa transparente, que em determinado momento desce do teto e serve de palco para os bailarinos, que ficam pertinho da plateia proporcionando uma experiência surreal.

A companhia mantém shows fixos em Buenos Aires.

Confira abaixo o trailer da companhia:

Fonte: Site Fuerza Bruta, Tickets For Fun e G1.

Fotos e Vídeo: Fuerza Bruta

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized

Badeschiff, uma piscina flutuante em Berlim


fluttu

Imagine mergulhar numa piscina que fica em cima de um rio? Em Berlim, na Alemanha, a estrutura de um navio cargueiro foi transformada pela artista Susanne Lorenz numa piscina pública montada no rio Spree, que oferece uma linda vista da cidade.  Ela foi batizada de Badeschiff , que significa “navio piscina” e atrai gente o ano todo.  A piscina tem cerca de 2 metros de profundidade e 32 metros de comprimento e pode ser desfrutada de maio até setembro. No verão ela é completada por um deck de madeira com areia que a transforma em uma praia artificial. Durante o inverno,  ela é coberta e dá lugar as saunas, o que garante movimento mesmo com temperaturas extremas. Além disso, o complexo oferece aulas de Yoga e Stand up Paddling.

Fonte: Portal Arena Berlin, Nômades Digitais e Viagem Lado B.

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized

Dia mundial da água: cuide bem da piscina para evitar desperdício


Piscinalimpa1101

Amanhã, comemora-se o Dia Mundial da Água. A data foi estipulada pela Organização das Nações Unidas (ONU) a fim de conscientizar a população da importância de se preservar esta valiosa e essencial substância.

Á água serve para abastecimento, alimentação, irrigação, produção industrial, fonte de energia, meio de transporte e uso doméstico. Desta forma, é fundamental reforçar a importância de usar a água com responsabilidade..

Uma piscina residencial tem entre 40.000 e 100.000 litros de água. Veja como evitar desperdícios.

Verifique a bomba e os filtros

A bomba e os filtros devem sempre ser revisados, para observar possíveis vazamentos. O mau funcionamento dos equipamentos pode aumentar o consumo de água e energia necessários para fazer o bombeamento.

Cubra a piscina

Até 3785 litros de água por mês são perdidos devido à evaporação, para evitar esse desperdício recomenda-se cobrir a piscina com uma cobertura plástica quando ela não estiver sendo usada. Mas cuidado para manter essa cobertura sempre limpa e não deixar água acumulada para evitar focos do mosquito Aedes aegypti.

Faça a limpeza regularmente

Mantendo a piscina sempre limpa e com a água tratada ela vai exigir menos trocas de água.

Evite transbordamentos

Para evitar que a água transborde não exceda o nível recomendado. É aconselhável deixar de 10 a 15 cm abaixo da margem.

Fonte: Associação Nacional dos Fabricantes Construtores de Piscinas e Produtos Afins.

 

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized

Estudo canadense detecta xixi nas piscinas públicas


Divulgação Facebook Lapa

Pesquisa realizada pela University of Alberta, no Canadá, comprovou que as pessoas mentem quando afirmam que não fazem xixi na piscina. Só para lembrar, dois dos maiores nadadores da história César Cielo e Michael Phelps já admitiram que fazem xixi na piscina. O estudo analisou duas piscinas de tamanhos diferentes e detectou urina em ambas, utilizando para isso uma técnica rápida e de alto rendimento. Foi usado um adoçante artificial estável (ACE) comumente consumido para medir a quantidade de xixi, já que sua excreção completa na urina torna-o um marcador de urina ideal.

Com base nas concentrações do edulcorante, os pesquisadores canadenses estimaram que cerca de 400 pessoas podem ter urinado na piscina menor e 1.000 na maior.

 A pesquisa deixa evidente a necessidade de educar melhor os banhistas para os problemas relacionados ao xixi na piscina.

A falta de higiene prejudica o tratamento e exige maior quantidade de produtos químicos para combater os microorganismos.

A mistura de urina com água clorificada forma dois compostos químicos – e tóxicos – diferentes: a tricloramina e o cloreto de cianogênio, que podem causar irritação nos olhos, no pulmão e até causar infecções. O composto químico pode ainda causar coceira nos olhos, coriza, perda de voz, além de criar mau cheiro no ambiente.

Cuidados simples, como tomar ducha, não urinar na piscina, não beber a água da piscina e cuidar para que as crianças façam pausas entre as brincadeiras (ou os treinos de natação) para ir ao banheiro ajudam a minimizar o risco de contaminação da água.

Fonte: Forbes, Science Daily e Piscina Limpa

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized

Como manter a piscina sempre limpa


2367892445_0748d889ce_z

A rotina diária da limpeza inclui três procedimentos:

  • Filtragem da água, por aproximadamente duas horas. A bomba ligada ao filtro estimula a movimentação e faz com que toda água da piscina chegue aos filtros para reter as impurezas;
  • Análise do teor residual de cloro livre, que deve estar na faixa de 1 a 3 ppm;
  • Controle do PH: O nível de pH deve ser mantido entre 7,2 e 7,6, diariamente.

Uma vez por semana, a alcalinidade da água deve ser medida, devendo ficar na faixa entre 80 e 120. Se estiver fora desse padrão será necessário corrigir por meio de produtos indicados, conforme orientação do fabricante.

A cada 15 dias, faça a supercloração, ou seja, a dosagem do cloro deve ser três vezes superior à dosagem habitual de manutenção, aproximadamente 10 ppm de cloro livre, de 1 a 4 horas, conforme recomendação da Organização Mundial da Saúde (OMS). Indica-se fazer a supercloração depois do pôr do sol, visto que os raios ultravioletas do sol destroem o cloro ativo.  Atenção: cheiro forte de cloro na piscina,  não é uma indicação de superdosagem do produto.  Na verdade, o odor é proveniente da formação de cloraminas, que são reações geradas pela mistura do cloro com suor e urina. Neste caso, é necessário fazer a supercloração.

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized

Não deixe sua piscina servir de criadouro para o Aedes aegypti


Com a temporada de verão ao fim – oficialmente o verão termina no dia 20 de março – é importante manter a piscina bem cuidada, mesmo que esteja sendo pouco usada para evitar que se torne foco do mosquito Aedes aegypti. Você sabia que com o tempo, o cloro da piscina pode evaporar? Para que a piscina não se transforme em berço do vírus da dengue, zika e chikungunya, mantenha a água bem tratada  com a concentração recomendada de cloro e as bordas e as paredes sempre limpinhas, de preferência escovadas para retirar possíveis larvas do mosquito que ficam grudadas. Assim, o mosquito não se desenvolve. Já está comprovado cientificamente que o cloro combate a larva do Aedes.

Caso decida cobrir a piscina no período em que ela não estiver sendo utilizada, evite deixar água de chuva acumulada na lona de cobertura, pois esse pode ser um foco do mosquito.

 

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized

Piscina também é lugar de mulher


No dia Internacional da Mulher, o Piscina Limpa homenageia todas as mulheres  que venceram tradições e superaram barreiras na natação. Você sabia que foi apenas em 1912 que as mulheres puderam participar da prova de natação dos Jogos Olímpicos?

Conheça cinco nadadoras que fizeram história:

1 – Maria Lenk

maria lenk2

É o principal nome da natação brasileira por ter sido a primeira nadadora do País a conquistar um recorde mundial e a primeira sul-americana a participar das Olimpíadas. É a única brasileira a ter o nome no Hall da Fama Internacional de Natação.  Lenk nadou até o fim de sua vida, falecendo em 2007, após o seu treino diário de natação.

2 – Sarah Durack

A australiana foi a primeira medalhista de ouro olímpico na natação, além de ter mantido o recorde mundial feminino de natação de 100 metros durante oito anos.

3 – Gertrude Ederle

Gertrude-Ederle

A norte-americana foi a primeira mulher a atravessar a nado o canal da Mancha, indo da França para a Inglaterra.

4 – Dara Torres

Primeira nadadora com mais de 40 anos a participar de uma Olimpíada, em 2000, mostrando idade não é um empecilho para competir. Ganhou mais de 12 medalhas.

5 – Lynne Cox

Resultado de imagem para lynne cox

Cruzou o Estreito de Bering, que separa os Estados Unidos da Rússia, numa temperatura média de 6 a 7 °C em duas horas. Seu feito conseguiu unir as duas ilhas, pouco antes do término da Guerra Fria.

 

Fonte: Portal FINA, IG, ESPN, UFCG e Raia Oito.

Fotos: Portal IG, Today e Raia Oito, ESPN e Daily Telegraph.

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized