Watsu, massagem na piscina


Resultado de imagem para watsu

O Watsu, junção das palavras water (água, em inglês) e shiatsu (pressão dos dedos, em japonês), é uma modalidade terapêutica criada em 1980, na Califórnia.

A intensão era unir a prática da massagem oriental que utiliza toques em determinados pontos do corpo e alongamentos para equilibrar o fluxo de energia corporal (shiatsu), à capacidade terapêutica e curativa das águas termais.

De acordo com reportagem do Jornal NH, a atividade abrange as partes física, psíquica, social e emocional, além de poder ser inclusa no tratamento de dores crônicas, agudas, depressão, estresse, tensão muscular, enxaqueca, entre outras que causam dor, desconforto e tensão. Pode auxiliar, portanto, em tratamentos de fisioterapia e psicoterapia.

De acordo com a fisioterapeuta Patrícia Martins, através de toques e movimentos específicos de flutuação, é possível desbloquear pontos de tensões físicas e mentais, levando os músculos a um relaxamento profundo e possibilitando a vivência de um estado de integração física, mental, emocional e energética.

As sessões de Watsu são realizadas em piscinas com temperatura entre 32 e 35 graus e duram aproximadamente 1 hora. O profissional de fisioterapia percorre a piscina fazendo massagem no aluno ao som de músicas relaxantes e tranquilas. Quem recebe a técnica só precisa se preocupar em fechar os olhos e relaxar.

Confira os benefícios do Watsu

– Relaxamento muscular

– Alívio de dores

– Melhora da amplitude dos movimentos

– Melhora da circulação sanguínea

– Melhora da respiração

– Melhora da postura

– Melhora da consciência corporal

– Melhora a qualidade do sono

– Melhora da disposição

– Redução do estresse e da ansiedade

 

Fonte: Jornal NH 

Imagem: site Fisio Clínica Physio center

 

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized

EUA recebe alerta sobre alto nível de contaminação em piscinas


Imagem relacionada

O Center for Desease Control and Prevention (CDC) divulgou, nos Estados Unidos, um alerta em relação ao alto índice de contaminação da água das piscinas pela bactéria Cryptosporidium, ou apenas crypto.

A presença deste parasita dobrou entre 2014 e 2016 e, no último ano, foram registrados 32 focos de crypto em piscinas e brinquedos aquáticos nos EUA, de acordo com o CDC. Apenas em Ohio, 2 mil pessoas ficaram doentes depois de serem contaminadas pelo germe e acredita-se que o número seja ainda maior, já que as pessoas não costumam reportar os casos.

Entre os sintomas causados pelo Cryptosporidium estão diarreia, náusea, vomito e consequente desidratação. De acordo com Michele Hlavsa, do programa de piscinas do CDC, as diarreias causadas pela bactéria podem durar por até três semanas.

Além de se espalhar pela água, o crypto também pode contaminar pessoas a partir do contato com fezes de quem está contaminado.

De acordo com o CDC, o abuso de produtos químicos nas piscinas não ajuda na diminuição da bactéria e, os sintomas trazidos pelo seu excesso podem ser ainda mais danosos para os seres humanos do que o próprio parasita. Além disso, de acordo com Hlavsa, o ideal é evitar a proliferação da crypto, que não é extinto pelo cloro.

Dicas para evitar a contaminação por germes em piscinas:

– Não entrar, em hipótese alguma, em piscinas se estiver com diarreia.

– Caso esteja com diarreia e esta tiver sido causada pelo Cryptosporidium, esperar duas semanas após o fim dos sintomas para voltar às piscinas

– Não engolir água da piscina

– Não fazer xixi na água

– Não permitir que crianças entrem com fraldas na piscina e nem trocá-las próximo ao local

– Utilizar ducha assim que sair da piscina

Fonte: site Achei USA, site UFRGS

Foto: site Pool Piscina

 

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized

Qual a piscina do seu signo?


O segundo post dedicado às piscinas dos signos é em homenagem aos geminiamos, nascidos entre os dias 21 de maio e 21 de junho. Regidos por mercúrio e conhecidos por serem comunicativos, curiosos, duais, versáteis e modernos, chegou a vez da piscina dos geminianos.

Os geminianos prezam pelo conforto e modernidade, mas sem abrir mão de momentos de encontro para a boa convivência social de que tanto gostam.

Por isso, é bem possível que o projeto do arquiteto Aquiles Nícolas Kílaris caia no gosto dos gemianos. A piscina, localizada em uma casa em Americana, SP, é feita a partir de linhas modernas e fluidas, trazendo movimento e aconchego ao ambiente, que também possui chaise longues confortáveis e contemporâneas espalhadas por todo espaço, facilitando a comunicação entre as pessoas que visitam o local e seu relaxamento.

E então, geminiano, o que achou? Se sentiu representado pela piscina de seu signo? Cancerianos se preparem, pois a próxima piscina dos signos é dedicada a vocês.

Fonte: site Homify 

Foto: site Homify

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized

Piscinas caninas


Evento de natação para cães foi realizado em Seattle, no estado de Washington (Foto: Jordan Stead/Seattlepi.com/AP)

 

As aulas de natação são as novas queridinhas dos cães. Sempre com o acompanhamento de especialistas, os exercícios feitos em piscina específica para animais são de baixo impacto, podendo ser realizados por aqueles com problemas na coluna ou tendência a desenvolver displasia coxo-femural.

Com atividades como buscar a bolinha no fundo da piscina e pegar palitos que flutuam, as aulas são divertidas e ajudam os cachorros a reduzir dores nas articulações, estresse dos músculos e até no tratamento de fraturas.

De acordo com artigo do veterinário Dr. Ricardo Tubaldini publicado no site Cachorro Gato, outro ponto positivo é que esse tipo de exercício ajuda os cães na respiração, resistência e circulação sanguínea, sendo ideal para aqueles que estão acima do peso, pois perdem, em menos tempo, mais calorias e gorduras do que se estivessem correndo ou caminhando.

Ainda de acordo com Tubaldini, é necessário tomar alguns cuidados importantes, como a utilização de coletes flutuantes nas primeiras das aulas, ensinar o cachorro a sair da piscina sozinho, certificar-se de que ele se sente confortável na água e sempre contar com a presença de um treinador ou veterinário especializado junto ao cão enquanto ele está na piscina. E, por fim, vale reforçar: cachorro só pode nadar em piscina de cachorro.

Fontes: site Cachorro Gato e site Meus Animais

Foto: Jordan Stead

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized

Piscinas das Olimpíadas Rio 2016 passam das medalhas aos mosquitos


Palco das cinco medalhas de Michael Phelps e de tantos outros atletas da natação e do polo aquático nos Jogos Olímpicos e Paralímpicos Rio 2016, as piscinas do Estádio Olímpico de Esportes Aquáticos se despediram dos atletas e, desde o fim dos jogos, transformaram-se em espaço ideal para o aumento da população de insetos transmissores de doenças.

estadio olimpico aquatico rio 2016

 

Resultado de imagem para foto piscinas rio 2016 abandonadas

As instalações do complexo, que conta com duas piscinas de tamanho olímpico (50 x 15 x 3 m) – uma para aquecimento e outra para competições –, ventilação natural e painéis na fachada assinados pela artista plástica Adriana Varejão, foi pleiteado por vários municípios, que gostariam de receber as piscinas olímpicas depois dos jogos.

Mas, conforme informações do jornal El País, as estruturas das piscinas permanecem no Parque Olímpico, dividindo espaço com restos de entulhos, materiais de construção e sujeira. A água que enchia os tanques durante os jogos foi retirada, assim como o revestimento do fundo e das laterais da piscina. Hoje, restam apenas restos de água parada e, consequentemente, mosquitos responsáveis pela transmissão de doenças como dengue, zika e chikungunya.

Fontes: El País, G1, O Estado de S. Paulo e Terra.

Fotos: Gabriel Heusi e Pilar Olivares / Reuters

 

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized

Iates levam o melhor das piscinas para o mar


Além de serem extremamente luxuosos, os iates ainda costumam apresentar ambientes de lazer confortáveis e agradáveis para quem gosta de passar dias velejando pelo mar. Entre as opções, estão piscinas que, além de elegantes, são uma ótima opção para relaxar observando belíssimas paisagens.

O Piscina Limpa separou cinco iates com piscinas luxuosas para você conhecer e sonhar:

Alfa Nero

Alfa Nero yacht pool

Este iate com capacidade para 12 passageiros possui uma piscina no convés traseiro. A parede de vidro torna ainda melhor a vista da paisagem.

Luna

luna yacht pool
Este iate foi construído em 2010 pela Lloyd Werft & Stahlbau Nord Shipyards e custou U$ 193 milhões.

Lady M
lady m yacht pool

Construído em 2013, este iate possui uma piscina com hidromassagem decorada com mosaicos e vidro.

Roma

Roma Yacht pool
O Roma tem capacidade para 12 passageiros e mais de 60 metros de largura.

Serene

Serene Yacht swimming pool

A Serene, que custou R$ 323 milhões, possui uma piscina de 15 metros de comprimento.

Fonte: Luxury Design

Deixe um comentário

Arquivado em curiosidades, Uncategorized

As piscinas mais caras do mundo


Hoje em dia é possível encontrar piscinas de todos os tipos e em quase todos os lugares. Mas existem algumas que são verdadeiros pontos turísticos, não só pela sua beleza, mas também pela sua localização, pela vista que elas proporcionam e até mesmo por quanto custaram.

Conheça a seguir algumas piscinas desta categoria, que estão entre as mais caras do mundo e que se tornaram grandes atrações para os visitantes.

San Alfonso Del Mar

A piscina de San Alfonso Del Mar fica na cidade de Algarrobo, no Chile, e custou U$ 2 bilhões para ser construída. Ficou pronta em 2007, cobre 8 hectares com 250 milhões de litros de água. Sua profundidade total é de 3,35 metros. Nela, é possível praticar diferentes esportes, como stand-up e canoagem. Ela também entrou para o Guinness Book como a maior piscina do mundo.

 

San Alfonso del Mar 2 entre as maiores piscinas do mundo

 

City of Stars

Direto do Egito, a City of Stars é considerada a piscina mais cara do mundo, tendo custado U$ 5,5 bilhões para ser construída em pleno deserto, na cidade Sharm El Sheikh. Ela ocupa 85 mil metros quadrados. Ela foi construída pela Crystal Lagoons, mesma equipe responsável pela construção da piscina de San Alfonso del Mar.

city of stars 2 entre as piscinas mais caras do mundo

 

Seagaia Ocean Dome

Esta piscina foi construída no Japão por U$ 2 bilhões. Ela fica embaixo de uma cúpula retrátil com 100 metros de comprimento por 100 metros de largura e faz parte do Resort Sheraton. A piscina contem um vulcão não-natural e ondas artificiais.

Seagaia Ocean Dome entre as maiores piscinas do mundo

 

Hearst Castle

Construída na casa do empresário americano William Randolph Hearst, na Califórnia, em 1936, a Hearst Castle é decorada com mármore e azulejos de mosaico e custou U$ 10 milhões. Estima-se que a piscina perca, por evaporação, 19 mil litros de água por dia. O volume total de água que ela comporta é de 1.305.967 litros.

5. Hearst Castle, nos Estados Unidos  A piscina da casa do empresário americano William Randolph Hearst, foi construída em 1924 e custou U$ 10 milhões, cerca de R$ 38 milhões. Ela foi construída em mármore e com mosaico de azulejos azuis.

Fontes: Glamurama, Top10Mais

Deixe um comentário

Arquivado em piscina